Viabilizando tecnologias improváveis: uma análise sobre o fomento de novos contraceptivos masculinos pela ONG Male Contraception Initiative

17 novembro 2021

Viabilizando tecnologias improváveis: uma análise sobre o fomento de novos contraceptivos masculinos pela ONG Male Contraception Initiative

Share on twitter
Share on linkedin
Share on facebook
Share on whatsapp

Neste artigo, Georgia Martins Carvalho Pereira, mestranda da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), estuda como a ONG Male Contraception Initiative, dos Estados Unidos, atua na produção e viabilização de métodos contraceptivos masculinos.

Segundo a pesquisa conclui, apesar de grande veiculação na mídia de avanços em métodos contraceptivos masculinos, ainda há um longo caminho a se percorrer para  que eles possam ser utilizados pela população. A maioria das pesquisas ainda se encontram nos estágios iniciais.

Apesar de mudanças nas relações de gêneros quanto à divisão sexual do trabalho contraceptivo, a contracepção ainda é uma tarefa executada majoritariamente por mulheres. Enviado por Pedro Cavalcanti Costa Marques.

Dissertação de Georgia Martins Carvalho Pereira na Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Disponível em: https://www.bdtd.uerj.br:8443/bitstream/1/4444/1/Dissertacao%20Georgia%20Pereira.pdf

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin