Condenados: Pandemia expõe fraquezas da assistência à saúde no cárcere

02/09/2021
Share on twitter
Share on linkedin
Share on facebook
Share on whatsapp

A reportagem publicada pelo Programa RADIS de Comunicação e Saúde é uma denúncia sobre a fragilidade das medidas sanitárias adotadas dentro do sistema carcerário brasileiro, convidando o leitor a refletir sobre o abandono das pessoas privadas de liberdade nas políticas públicas nacionais, especialmente durante a pandemia. Relevante no diálogo com a urgência de alternativas como o desencarceramento, a autora destaca como a efetiva inclusão da população privada de liberdade nas políticas públicas é desafiadora, impondo ainda mais invisibilidade à uma população que mesmo antes da pandemia já era submetida a espaços que apresentavam, segundo o texto, diversas inconstitucionalidades que sustentam uma engenharia de produção de doenças e morte.
Mesmo excluídas do debate público, pessoas em situação de cárcere não estão isoladas socialmente e sofrem sérias ameaças a seus direitos fundamentais mesmo após a superação da crise, já que a negligência durante a pandemia implica no agravamento das péssimas condições de espaços que insistem em representar um desperdício de vida para comunidades inteiras. Enviado por Isabela Leiva Rosa


É possível conferir o texto na íntegra em: https://radis.ensp.fiocruz.br/index.php/home/reportagem/condenados

0 0 votes
Article Rating
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Maria Carolina Amorim
14 dias atrás

O Brasil, com um já histórico descaso com a população carcerária, mais uma vez demonstrou que isso está longe do fim. Algumas informações nessa notícia foram um verdadeiro choque, como a taxa de infecção 1:20. Por isso, depois da leitura, pesquisei um pouco mais sobre a situação da vacinação nessa população, porque imaginava que ela seria priorizada por esse índice tão alto, e fiquei mais decepcionada ainda. Pela notícia https://www.cartacapital.com.br/sociedade/o-brasil-nao-vacina-nem-metade-de-sua-populacao-carceraria-e-taxa-estaciona/, o caminho do processo nos presídios está na contramão do cenário nacional, estagnado. Excelente análise, Isabela!

Last edited 14 dias atrás by Maria Carolina Amorim
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin