O consumo de heroína chega a níveis de epidemia nos Estados Unidos

Os alarmantes níveis de mortes decorrentes do uso de opiáceos nos EUA são demonstrativos da crescente epidemia que atinge o país. Só em 2016,  os níveis foram superiores aos 19 anos da Guerra no Vietnã. Do total de mortes, grande número se deve ao consumo de heroína pura ou em  misturas dessa feitas com outros opiáceos sintéticos ilegais., como o fentanil e o carfentanil. A reportagem do El País aponta que a epidemia pode ser consequência da facilidade de acesso à fortes medicamentos analgésicos legais na década anterior. A Flórida é um dos estados mais atingidos pelo aumento do abuso desse tipo de substância e declarou estado de emergência em maio, depois de um longo período de resistência por parte do seu governador,  o republicano Rick Scott. Outro fator importante dessa epidemia seria a questão racial envolvida, segundo a reportagem, a maioria dos usuários são brancos, o que representa uma alteração no quadro associativo do país, que por anos vem associando o consumo e tráfico de drogas às populações negras e latinas. Os EUA correspondem à 80% do mercado mundial de opiáceos sendo apenas 5% da população, o que levou a medidas como o porte por policiais e bombeiros de doses de naloxona, para o atendimento de urgência a casos de overdose.

Enviado por Sthela Batista

Link para a reportagem – http://brasil.elpais.com/brasil/2017/06/12/internacional/1497295458_563632.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s