Cuba é o primeiro país do mundo a erradicar transmissão materna de HIV e sífilis; vídeo

Cuba

Em junho de 2015, após validação da OMS, Cuba tornou-se o primeiro país do mundo a eliminar a transmissão do vírus HIV e do vírus da sífilis de mãe para filho. Esse status é alcançado quando a taxa de transmissões verticais da doença são tão baixas que não são mais classificadas como um problema de saúde pública. No caso do HIV, o número alcançado foi de 2 a cada 100 bebês nascidos de mães soropositivas e no caso da sífilis o número foi de menos de 1 caso a cada 2000 bebês nascidos.*

À época, o Ministro da Saúde de Cuba, Roberto Morales Ojeda atribuiu o sucesso da conquista ao sistema de saúde cubano, que definiu como “gratuito, acessível, regionalizado e integral”. Na última semana, a ONU Brasil publicou uma matéria especial em vídeo que corrobora para essa visão. No vídeo, ações como a distribuição gratuita de medicamentos antirretrovirais, a gratuidade do sistema de saúde e a atuação dos médicos de família são destacadas e consideradas fundamentais para o alcance deste marco em saúde pública.

Link para a matéria da ONU Brasil: https://nacoesunidas.org/cuba-e-o-primeiro-pais-do-mundo-a-erradicar-transmissao-materna-de-hiv-e-sifilis-video/

*Informações retiradas da matéria da Folha: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2015/06/1649761-cuba-e-o-primeiro-pais-a-eliminar-a-transmissao-do-hiv-de-mae-para-filho.shtml

Enviado por Caroline Garrett

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s