Juiz brasileiro é eleito presidente da Corte Interamericana de Direitos Humanos

UOL – O juiz brasileiro Roberto de Figueiredo Caldas foi eleito novo chefe da Corte Interamericana de Direitos Humanos, onde era vice-presidente, afirmou nesta quarta-feira o braço jurídico da Organização dos Estados Americanos (OEA).

A partir de 1º de janeiro de 2016, Caldas substituirá o magistrado colombiano Humberto Sierra no comando do tribunal regional, enquanto que seu colega mexicano Ferrer Mac-Gregor Poisot assumirá a vice-presidência.

“(Caldas é um) destacado jurista que trabalhou no litígio de importantes causas, especialmente de direitos trabalhistas, sociais, culturais e econômicos no Supremo Tribunal Federal e tribunais superiores no Brasil por mais de 30 anos”, disse em comunicado a instituição com sede em San José.

A Corte, cuja missão é velar para que os 24 Estados membros cumpram a Carta Interamericana de Direitos Humanos, tem atualmente 26 casos pendentes de sentença em 11 nações e quase 200 na etapa de investigação distribuídos praticamente por todos os países da região.

(Reportagem de Enrique Andrés Pretel)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s